domingo, julho 15, 2012

Riga






















Riga impressionou-me pelas suas assimetrias. Se o centro está bem tratado, um paraíso de turistas com música e bares e lojas, à medida que nos afastamos em direcção ao rio as coisas começam a mudar. quando passamos para o outro lado do mercado é outra cidade diferente. e o passado ainda está por demasiado presente pelas ruas. 

Enviar um comentário