sexta-feira, outubro 19, 2007

Blue Mood




"...quando não está ninguém é da ausência que se fala..."

os nossos jardins esperam os velhos para viver... e os amantes, ainda, para se esconderem e se encontrarem. eros e thanatos reencontram-se num tempo sem tempo para o romantismo. contudo chega sempre o dia em que os objectos permanecem e contam uma silenciosa história: a partida.

a última imagem nunca tem pessoas - angulosas mãos pronunciando o adeus.


Esta foto também se encontra neste outro espaço quase.
Enviar um comentário